L O A D I N G
blog banner
Mito - Doação de Sangue

Posso doar sangue após tatuar?

Uma dúvida que muitas pessoas tem sobre doação de sangue é: se eu fizer uma tatuagem, posso ou não doar sangue?

Sim, você pode. Porém, existem algumas recomendações importantes. Fique ligado nas informações abaixo:

  • Garanta que sua tatuagem seja realizada em local seguro, higienizado e que segue à risca todas as orientações do Ministério da Saúde;
  • Verifique se o material utilizado pelo tatuador no momento da tatuagem é descartável e esterilizado (pergunte, mesmo se ele não comentar);
  • Em Portugal, a doação de sangue é permitida após 4 meses da realização da tatuagem. Esta recomendação é transmitida pelo IPST (Instituto Português do Sangue e da Transplantação). A doação de sangue pode ser feita por pessoas de 18 a 65 anos com mais de 50kg;
  • No Brasil, a doação de sangue só pode ser feita após 12 meses da realização da tatuagem. De acordo com o Ministério da Saúde, esse é o tempo em que algum vírus contraído no momento da realização da tatuagem pode ficar incubado no corpo. Após esse período, eles normalmente não resistem e, por isso, é possível doar sangue após esse prazo;
  • A partir dos 16 anos já é possível doar sangue no Brasil,  mas é preciso ter mais de 50kg, estar bem de saúde e não estar em jejum. Se alimentar bem e evitar alimentos gordurosos no dia também são importantes para uma doação segura. A doação pode ser feita por pessoas de até 69 anos.

Com a sua doação de sangue apenas 1x, você pode salvar vidas de até 4 pessoas adultas e de até 10 crianças.  

É importante saber que muitas perguntas serão feitas no preenchimento do questionário para doação de sangue. Responda todas as perguntas com o máximo de cuidado e atenção para que não deixe faltar nenhum dado importante que possa causar transtornos futuros a quem receber a sua doação.

Ajude a quem precisa, doe sangue!

Quer saber mais? Acesse o link do seu país para mais informações: Brasil | Portugal

Gostou do nosso post? Deixe aqui seu comentário. Nos envie também um tema do seu interesse para falarmos mais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *